• associacao santiago

Guias do Caminho de Santiago tradicionais ou usar a tecnologia disponível, o que é melhor?

Atualizado: Mar 25

Para quem vai pela primeira vez e não sabe como é, obviamente basta pesquisar nesse próprio site, conversar com peregrinos que já foram, com associações, ver documentários, filmes e ouvir depoimentos no geral.

Mas ainda sim fica aquele medo do desconhecido. Como será? Melhor sozinha/o ou acompanhada/o ? E se eu me perder?



O guia do Daniel Agrela, muitos brasileiros já o tem. Já foi TOP SELLER em vários momentos...



Mas sabemos que hoje temos um leque de aparatos para qualquer eventualidade, celulares com apps de todo tipo.

Quando eu fui a primeira vez, não existia smartphones e nem kindle eu optei pelo guia impresso que comprei em Pamplona antes de pegar o trem para San Jean e começar o caminho, digo que foi essencial pois no guia tem dicas dos albergues, quanto custa, onde comer, tipo de geografia que pegaremos no caminho e várias outras informações como história da região, arquitetura,

lendas.


O que é o Kindle? Por que ele revolucionou os livros? Você pode ter mais de 10 mil livros em uma coisinha de 150 gramas que simula o PAPEL DE VERDADE!

É mole???


Mas eu poderia ter optado em só seguir as setas amarelas, muitas pessoas fazem isso. E tudo bem, pois realmente seguindo a seta amarela o destino é o mesmo.

Da segunda vez que eu fui, já existiam smartphones, mas optei por fazer o caminho seguindo as setas e quando parava usava o tablet nos albergues para ver as distâncias, região geográfica e opções de albergues. Funcionou bem também.


Mas, planejo para minha próxima peregrinação levar o guia do caminho no meu kindle porque além de levar os livros que gosto de ler na viagem sem carregar peso, consigo acessar sem necessidade de internet e pacote de dados.E como meu próximo caminho será um trecho que eu não conheço que é o Caminho de Portugal não quero apenas seguir as setas, quero informações mais completas durante o caminho, e juntando o útil ao agradável pois amo ler, os guias trazem uma diversidade de informações compiladas e direcionadas para o que buscamos.



Por fim, que tipo de peregrino você gosta de ser o mais desprendido seguindo apenas as setas amarelas? Ou amante do bom e velho Guia Impresso? Ou como eu que gosto de ler muito e aproveitar as facilidades da tecnologia para diminuir tamanho e peso na mochila e usar um kindle ou outro leitor de ebooks?

Conta para gente qual sua história e preferência?

Até o próximo post pessoal!



Para saber sobre o Guia do Caminho Português, clique aqui

Os preços do kindle despencaram, clique aqui e saiba mais



Posts recentes

Ver tudo

Whatsap 11-96066 3308

©2019 Ass.Amigos do Caminho de Santiago.